Friday, October 06, 2006

Foram tantas emoções
com tamanha intensidade
que eu não posso me furtar
de auscultar meu coração.

Minha alma de menino
como manda o figurino
quer ouvir sua razão.

3 comments:

Patrícia Köhler said...

Lindo! :-)

Adoro sua poesia, sensibilidade, humor e lirismo, Hélio.

Beijim.

kel e tiago said...

Héi, que saudade de vc nosso amigo poetinha. Amigo de cerveja, de bom papo e futebol. Acompanharemos sempre Olivrão.
um grande abraço.

Dani Morreale said...

Êta alma de menino!!!! Amooooooooo sua razão formada pela sensibilidade!!!!!!!!!!