Friday, December 19, 2008

somatizando

Neste instante minha alma sangra.
Um vazio denso toma conta.
Estou na cicatriz do choro.

9 comments:

Anelise said...

In giorni scuro, Bello Sorriso è dimostrato.

Bjão

Mariana said...

"estou na cicatriz do choro"

isso é mais que demais.

Cosmunicando said...

o
soma
sinaliza
dor
que
sub
trai
o
amor

Pavitra said...


essa fenda que se abre na face
e nos faz deslizar poros abaixo
desbarrancados...

e cortando a minha viagem, adorei!

Anonymous said...

Hoje estou triste, estou triste.
Estarei alegre amanhã...
O que se sente consiste
Sempre em qualquer coisa vã.

Ou chuva, ou sol, ou preguiça...
Tudo influi, tudo transforma...
A alma não tem justiça,
A sensação não tem forma.

Uma verdade por dia...
Um mundo por sensação...
Estou triste. A tarde está fria.
Amanhã, sol e razão.

Joelho Caquim
(Fernando Pessoa)

Adriana Monteiro de Barros said...

...#estou na cicatriz do choro " e na fenda da Vida que á margem retornou.

Este complemento é só para dizer que adorei o seu verso!

um abraço e um 2009 poderoso!

Pax said...

Bom aqui.

Bel said...

Te achei por acaso, poeta e fiquei encantada com seu blog. Parabéns!
Beijos poéticos

Elza Fraga said...

Amei a cicatriz do choro.
Forte figuração! Você está cada vez mais afiado, moreno!
Parabéns, amigo, você é fogo quando decide, rsrsrs
Bitokitas.