Wednesday, June 17, 2009

pré

às vezes eu me lembro de sonhos
de fragmentos de sonhos
milésimos de frames

às vezes as coisas me lembram sonhos
memórias antigas mesmo
coisas de antes da existência

12 comments:

líria porto said...

yessssssssssssssss ! adorei - e também o dia que deu cambalhota!!
besos

Adrianna Coelho said...


ás vezes os sonhs nos lembram (de nós mesmos)

Mara faturi said...

ás vezes podemos ser; O sonho;)
bjos *)

Dani Morreale Diniz said...

às vezes
me lembro de sílabas
escapulidas
polidas
puridas
petrificadas
na lembrança de minha saliva

[às vezes me lembro de ontem
aí acordo
e recordo os nossos amanhã]

Ateliennes said...

Gostaria de seguir o seu blog, mas não sei. Alguns mistérios que já não são mais para muitos, para mim ainda são. No entanto, ausente como sou de muitos programas, cheguei hoje aqui depois de tanto tempo pedindo desculpas por não ter lhe visitado com mais frequencia nem deixado um breve recado. Por este motivo estou escrevendo muito. Deixo o meu elogio ao seu belo blog, e desejo sonhar e caminhar junto. Um beijo, Neyde

Carleto Gaspar 1797 said...

Sonhamos o sonho
ou somos sonhados??


Valeu a presença lá no Império

é sempre uma alegria conhecer novos interlocutores

grande abraço

líria porto said...

tou trêmula!!
besos

Maria Paula Alvim said...

E se fragmentos do viver for o sonho? Aí, o sonho é que nos lembra de nós... Adorei ter te encontrado na Líria.

Maria Paula Alvim said...

Tem dia que é assim, pulão. Supimpa.

nina rizzi said...

vale um bocadão, que sonho à maneira buarquesca: junto.

vim, li, gostei e trno-me cá :)
beijo.

rodrigo mebs said...

bom trabalho, cabra! tô lendo o blog de cabo a rabo. Aos poucos vou soltando o verbos e adjetivos. Abração!

Liquidificador a Gas said...

Acho que antes de existir, já existíamos, repetidas vezes...